Mantendo viva a aposta do construtor japonês num segmento em que a concorrência, mais que muita é feroz, o Micra representa uma investida segura da Nissan, para a marca e para o consumidor – cliente final se preferirem. O diesel mantêm também viva a chama do construtor, pelo menos onde este tipo de motores ainda pode proliferar.

Já falámos, aquando do nosso primeiro encontro com a nova geração Micra, das mais valias da aposta da Nissan em totalmente rever a criação de um dos seus mais importantes modelos na Europa. Para o diesel, a marca foi mais conservadora, dotando o Micra do mais que provado e consolidado bloco 1.5 dCi, há muito presente no ‘irmão’ Renault Clio.

Nesta vertente diesel, a marca associa o desempenho e economia de combustível de um motor que carece renovação mas ainda ‘dá para o gasto’, a uma imagem que não cessa de nos encantar. O ‘último grito’ do Nissan Micra é também aquele que mais encanta pela harmonia da aparência, fazendo jus a traços fortes, aliados a uma seleção de cores que joga bem e convida-nos a entrar no jogo.

Harmonia Interior

Já havíamos enaltecido, aquando do teste à versão a gasolina do Nissan Micra, o bom gosto na colocação de um ambiente interior que cria clara cumplicidade com o exterior, algo que também acontece com a versão diesel, novamente com o nível de equipamento N-Connecta.

Assim sendo, o interior deste Micra 1.5 dCi está na tonalidade Power Blue, tal como o exterior. Também tem o sistema de áudio BOSE Personal, entre outros equipamentos, alguns deles diretamente relacionados com a condução, tais como: Camara de visão traseira, Sensores de estacionamento traseiros, Escudo de Proteção Inteligente (Sistema Inteligente de Ângulo Morto, Deteção de Objetos em Movimento), Sistema de multimédia e infotainment c/telefone incluído em écran de 5″, ESP, ABS, EBD, HBA, TCS, BLSD e HSA.

Para o condutor, uma boa posição de condução, que também desfruta do bom posicionamento da caixa de velocidades, no prolongamento da consola central.

Motor que Cumpre mas Alto e Bom Som

Serve este título para dizer que o motor diesel que equipa este Nissan Micra é um pouco barulhento. Isso é compreensível, já que não se trata do motor tecnologicamente mais evoluído no universo Renault-Nissan. É o mesmo bloco que vem equipando o Renault Clio. Tudo se resume a opções e a Nissan não quis esperar pelo novo motor que o grupo irá introduzir nos mercados. Por isso escolheu uma opção que vale pelos resultados dinâmicos, consumo incluído. Tem o senão de não ser a melhor proposta no capítulo do som, mas não se pode ter tudo, pelo menos neste caso.

Em Estrada – Cumpre a Missão de Ser Eficiente

As expectativas estavam altas depois de termos testado a versão a gasolina do Nissan Micra. Por isso, lá fomos percebendo que este diesel vale pelos consumos, mas não nos vai apagar a imagem deixada pelo IG-T 90.

De qualquer modo, gostámos da sua dinâmica, que faz uso de um chassis equilibrado, embora talvez pela diferente opção no capítulo motriz, este dCi resulte num Micra um pouco mais ‘saltitão’ que na versão a gasolina. Pelo menos, foi a sensação que nos deu ao fim de uma extensa quilometragem.

Onde o Nissan Micra dCi impressiona pela positiva, é nos consumos, com uma média de 4,5 lt por cada 100 km, valor que fica (como é normal) um pouco acima do anunciado. Talvez na cidade este pequeno japonês tenha uma menor valia no capítulo dos consumos, embora nada fora dos valores dos seus concorrentes, mas onde realmente notámos um menor apetite foi em longas viagens, onde claramente merece nota positiva.

Não será de todo alheio aos valores de consumo deste Nissan Micra, a opção por um escalonamento longo da caixa de velocidades. Com isso, obviamente, perde-se uma maior energia dinâmica, ou seja, um comportamento desportivo. Por outro lado, os ganhos são evidentes na eficácia do automóvel, como puro utilitário.

Além da pouca ‘gula’ deste Micra a diesel, também gostámos no global do seu dinamismo. O chassis é bastante equilibrado, como já havíamos visto no IG-T 90. Assim sendo, curva com imensa segurança, mesmo testado num cariz mais desportivo, dentro de limites. Às vezes parece ser um pouco duro, mas neste capítulo não atribuímos culpas ao modelo, deixando-as totalmente para quem tão mal cuida de algumas das estradas do nosso país. Com isso, sofreu este Nissan Micra e nós também. O seu preço é honesto, em coerência com o automóvel, cifrando-se nos €18.700.

Ficha Técnica Nissan Micra 1.5 dCi 90cv

Motor4 cilindros em linha, Injeção direta, turbodiesel
Cilindrada (cc):1461
Diâmetro x Curso (mm): 76 x 80,5
Taxa de Compressão:15,5
Potência (cv/rpm):90/4000
Binário (Nm/rpm): 220/2000
Transmissão/Direção:Tração dianteira, Caixa manual 5 velocidades, pinhão e cremalheira c/assistência elétrica
Suspensão (ft/tr):Independente tipo McPherson/Eixo de torção
Prestações
0 a 100 km/h (s):11.9
Velocidade máxima (km/h):179
Consumos anunciados (Urbano/Extra-urbano/Misto (lt/100km):3.1/3.8/3.2
Dimensões e Pesos
Comp./Larg./Alt. (mm):3999/1743/1455
Distância entre eixos (mm):2525
Largura de Vias (ft/tr (mm):1510/1520
Travões (ft/tr):Discos ventilados/Tambores
Bagageira (lt).300/1004
Depósito (lt):41
Pneus (ft/tr):195/55 R16
Peso (kg):1590
Preço (€):16.700

Texto: Jorge Cabrita  Fotos: José Lourenço e Jorge Cabrita