Você está aqui
Home > Testes > Em Estrada > Ford Leva GT À Estrada Do Oceano Atlântico e Bate Record

Ford Leva GT À Estrada Do Oceano Atlântico e Bate Record

 

Ford_GT_Norte_1
Ford_GT_Norte_2
Ford_GT_Norte_5
Ford_GT_Norte_6
Ford_GT_Norte_8
Ford_GT_Norte_3
Ford_GT_Norte_4

O Ford GT é protagonista na série de vídeos ‘Ford Europe’s Greatest Driving Roads’ (Ford Melhores Estradas da Europa). Neste, o superdesportivo da marca americana percorre a espetacular costa norueguesa, através da alucinante Estrada do Atlântico. É num cenário idílico, que consiste numa estrada com oito pontes a ligar as cidades de Kårvåg e Vevang, com estritos limites de velocidade, que o lindíssimo Ford GT se funde com uma paisagem de cortar a respiração.

“Há que circular na estrada do Atlântico para acreditar que ela existe”, disse Steve Sutcliffe, reputado jornalista do setor automóvel, que é o apresentador nesta série de vídeos. “Só o mais cínico seria capaz de não se emocionar num cenário de tamanha beleza, para além do nosso imaginário.”

Fruto dos estritos limites de velocidade, a Ford acabou por ter que encontrar uma alternativa nas proximidades, onde pudesse dar largas aos ‘talentos do Ford GT’ e ao seu espírito atlético, assegurado por 650cv. Fez um curto mas apetecível desvio até ao pouco conhecido Circuito do Círculo Ártico, onde o piloto da equipa Ford Chip Ganassi, veterano de Le Mans, Stefan Mücke, marcou um novo record de tempo por volta na pista mais setentrional do mundo.

“O GT é um supercarro de estrada, mas a ideia sob o qual foi construído faz com que a pista seja o seu habitat natural”, disse Stefan Mücke. “É sempre fantástico estabelecer um novo record de volta, mas aqui resulta ainda mais especial.”

Fotos: Oficiais/Ford

 

Facebook
Twitter

 

Artigos Semelhantes

Top