NASCAR: Sinais de Recuperação na Hendrick Motorsports

0

 

A Chevrolet estreou em 2018 o seu novo carro para a Monster Energy NASCAR Cup Series, mas eles ainda encontram obstáculos para tornar o Camaro ZL1 competitivo em relação ao Ford Fusion e ao Toyota Camry.

Mesmo com a vitória de Austin Dillon a bordo o #3 da Richard Childress Racing nas Daytona 500, em fevereiro, o desempenho do carro nas etapas seguintes não foi satisfatório, em relação aos outros Construtores envolvidos.

Após Daytona, Foram Quatro Vitorias da Ford e Três Vitorias da Toyota

O hepta campeão Jimmie Johnson deu uma entrevista após a etapa de Bristol na segunda-feira, na qual comentou sobre o processo de evolução da Hendrick Motorsports durante a temporada. Johnson conquistou seu melhor resultado, ao chegar na terceira posição, e ocupa a 17ª posição na tabela.

“Nós temos conversado sobre a melhora do desempenho dos nossos carros, dirigindo melhor e aumentando a velocidade nas últimas três semanas”, disse Johnson. “E ver meus companheiros de equipe com comentários positivos sobre os carros e com bons resultados, definitivamente faz-nos crer que estamos na direção certa” .

Johnson também comentou sobre a sua situação na tabela.

“Se as coisas parecem dar errado, elas continuam por um tempo”, disse Jimmie Johnson. “Pode mudar, você só não sabe quando. Eu já experimentei isso na minha carreira, tivemos períodos de seca, em que podemos fazer o carro evoluir, e eu vou cometer algum erro, ou o carro pode estar bem, mas vamos ter um péssimo pit stop ou apenas um azar”.

Alex Bowman que faz a sua primeira temporada completa pela equipe, terminou a corrida na quinta posição, e agora ocupa a decima terceira posição na tabela, o melhor piloto da Hendrick na classificação.

“Eu fico grato por dirigir pela Hendrick Motorsports”, disse Alex Bowman. “Tem sido muito divertido finalmente ter boas corridas”.

O novato William Byron correu pela primeira vez na Monster Energy NASCAR Cup Series em Bristol Motor Speedway, terminando as Food City 500 na 18ª posição. Já Chase Elliott, acabou se envolvendo num acidente e terminou em 28º.

Texto: Wellingson De Souza  Fotos: NASCAR Media/Getty Images (Sean Gardner, Brian Lawdermilk, Jonathan Ferrey, Sarah Crabill)