Você está aqui
Home > Apresentação > BMW i8: Roadster Junta-se Ao Coupé Para Proposta de Adrenalina Ecológica

BMW i8: Roadster Junta-se Ao Coupé Para Proposta de Adrenalina Ecológica

 

O desportivo do futuro já está disponível com duas carroçarias distintas, Roadster e Coupé. Ambos híbridos plug-in, os novos BMW i8 Roadster e Coupé contam com a avançada tecnologia BMW eDrive, que lhes confere mais autonomia e mais tempo no modo exclusivamente elétrico. O BMW i8 Roadster já fez a sua estreia, no Salão de Los Angeles, com Maio de 2018 a ser a data prevista para o lançamento nos mercados.

O i8 Roadster, a grande novidade, vai proporcionar um maior aproveitamento da condução a céu aberto, já que após ativar o modo eDrive, a experiência ao volante será praticamente silenciosa e sem emissões, a velocidades até 120 km/h. Esta proposta a céu aberto, beneficia dos mesmos conceitos de construção ligeira que a BMW já introduziu no Coupé, sendo no entanto 60 kg mais pesada, em virtude do motor da capota. Esta, de acionamento elétrico, reage ao pulsar de um botão para se ativar ou desativar em 15 segundos, a velocidades até 50 km/h. Fica ‘arrumada’ em posição perpendicular, proporcionando 100 litros adicionais de espaço atrás dos assentos.

Tecnologia de Alto Desempenho com Segurança

A motorização é comum às duas versões agora disponíveis do i8. Trata-se de fazer uso da tecnologia BMW eDrive com um motor elétrico híbrido síncrono, com 143 cv (105 kW) e 250 Nm de binário e um motor a gasolina de 3cilindros BMW Twin power Turbo, com 1.499 cc e potência de 231 cv (170 kW), binário de 320 Nm. Ambos têm tração às quatro rodas específica para híbridos, com os motores a imporem-se às rodas traseiras (motor de combustão) e às rodas dianteiras (motor elétrico). São pequeninas as diferenças de performance entre ambos, com o Coupé a ser sempre ligeiramente mais rápido, pois demora 4.4 segundos a chegar dos 0 aos 100 km/h (o Roadster demora 4.6s) e tem um consumo médio de 1.9 litros para cada 100 km, com emissões de CO² de 42 g/km, para uma autonomia de 55 km, comparados com os 2.1 l/100 km e 46 g/km – 53 km de autonomia do Roadster. Ambos os i8 têm a velocidade máxima limitada nos 250 km/h.

O sistema híbrido plug-in incorpora tecnologia BMW eDrive otimizada, o que significa que a capacidade das células da bateria de alta voltagem de iões de lítio aumentou de 20 para 34 Ah, tendo a sua capacidade total sido incrementada de 7,1 para 11,6 kWh. A potência máxima do motor elétrico aumentou em 9 kW/12 cv, chegando agora aos 105 kW/143 cv.

Maior dinamismo e mais possibilidades de conduzir sem emissões, até porque agora é possível fazê-lo só com o motor elétrico a velocidades de até 105 km/h (anteriormente 70 km/h). Ao pulsar o botão eDrive, amplia-se a capacidade de utilização do motor elétrico até aos 120 km/h

BMW_i8R_6
BMW_i8R_2
BMW_i8R_4
BMW_i8R_15
BMW_i8R_16
BMW_i8R_3
BMW_i8R_10
BMW_i8R_14
BMW_i8R_12
BMW_i8R_11
BMW_i8R_7
BMW_i8R_1

O novo BMW i8 Roadster conta com um curso de suspensão específico e com Controlo Dinâmico de Estabilidade, sendo que este é equipamento de série para ambas as carroçarias do i8. Para o Roadster estão disponíveis jantes de 20″ e duplo raio Cada jante pesa aproximadamente menos um quilo que as atuais presentes no modelo coupé. Novidade são também as novas cores exteriores, E-Copper metalizado e Doningtongrau metalizado. Para o interior, o design Carpo é de ´serie em ambos os modelos.

Relativamente ao equipamento tecnológico e de segurança incluído para Roadster e Coupé, figuram o sistema de navegação Profissional, BMW Display Key, Driving Assistant com Surround View e um cabo de carga modo 2. No interior o menu é em mosaico, com conteúdo “Live” no display de controlo. O Head-up Display é opcional, tal como a luz laser BMW com BMW Selective Beam e aviso acústico de peões.

Fotos: BMW

 

Facebook
Twitter

 

Artigos Semelhantes

Top