A Toyota planeia uma grande mudança para 2019, trazendo um novo carro para a disputa da NASCAR Xfinity Series e, para a surpresa de todos, a escolha recaiu sobre o icónico Toyota Supra.

O anuncio foi realizado na noite desta quinta feira, altura em que a marca também apresentou um protótipo do carro que deverá aparecer já na primeira corrida de 2019, em Daytona International Speedway. O Supra voltará a ser produzido pela marca após 17 anos e irá aparecer em exposições no próximo ano.

O Supra irá substituir o Toyota Camry, que será utilizado apenas na Monster Energy NASCAR Cup Series.

O Toyota Camry, continuará nas pistas em 2019, apenas na Monster Energy NASCAR Cup Series

“Quando você em carros especiais da Toyota, o Supra é a primeira coisa que vem à cabeça de muitos entusiastas de automóveis”, disse Ed Laukes, vice-presidente de Marketing da Toyota. “O retorno do Supra às linhas de produção é uma grande notícia, mas também veremos de volta esse carro icónico às pistas no automobilismo americano. Do ponto de vista do marketing, é importante ter um carro de corridas que evoque o dinamismo e a característica da sua versão da exposição. Estamos confiantes de que conseguiremos isso com o Supra e esperamos que os fãs do Supra em todo o mundo fiquem orgulhosos com o seu sucesso na pista”.

A nova versão do Toyota Supra, já foi exposta no salão de Genebra, em março deste ano. A versão da NASCAR foi construída com a ajuda da Calty Desing Research, um antigo estúdio de design da Toyota, devidamente adaptada para se adequar ao estilo stock car.

O Xfinity Supra será o sexto carro produzido pela Toyota Racing Development em colaboração com o estúdio Caity nos últimos seis anos. Eles anunciaram que o projeto começou a ser desenvolvido no ano passado.

“Quando Ed (Laukes) me disse que estava a trazer o Supra de volta, eu quase não acreditei”, disse Kyle Busch, que compete pela Toyota desde 2008. “Eu percebi que ele não estava a brincar comigo. A Toyota fez isso e é um grande negocio para a NASCAR Xfinity Series. Eu espero ser o primeiro a levar o Supra para o Victory Lane, mas outros também pensarão a mesma coisa”.

Texto: Wellingson De Souza  Foto: Toyota